9 Porque eis que eu estou convosco, e eu me voltarei para vós, e sereis lavrados e semeados. 10 E multiplicarei homens sobre vós, a toda a casa de Israel, a toda ela; e as cidades serão habitadas, e os lugares devastados serão edificados. 11 E multiplicarei homens e animais sobre vós, e eles se multiplicarão, e frutificarão. E farei com que sejais habitados como dantes e vos tratarei melhor que nos vossos princípios; e sabereis que eu sou o SENHOR. 12 E farei andar sobre vós homens, o meu povo de Israel; eles te possuirão, e serás a sua herança, e nunca mais os desfilharás. 13 Assim diz o Senhor DEUS: Porquanto vos dizem: Tu és uma terra que devora os homens, e és uma terra que desfilha as suas nações; 14 Por isso tu não devorarás mais os homens, nem desfilharás mais as tuas nações, diz o Senhor DEUS. 15 E farei que nunca mais tu ouças a afronta dos gentios; nem levarás mais sobre ti o opróbrio das gentes, nem mais desfilharás a tua nação, diz o Senhor DEUS. 16 E veio a mim a palavra do SENHOR, dizendo: 17 Filho do homem, quando a casa de Israel habitava na sua terra, então a contaminaram com os seus caminhos e com as suas ações. Como a imundícia de uma mulher em sua separação, tal era o seu caminho perante o meu rosto. 18 Derramei, pois, o meu furor sobre eles, por causa do sangue que derramaram sobre a terra, e dos seus ídolos, com que a contaminaram. 19 E espalhei-os entre os gentios, e foram dispersos pelas terras; conforme os seus caminhos, e conforme os seus feitos, eu os julguei. 20 E, chegando aos gentios para onde foram, profanaram o meu santo nome, porquanto se dizia deles: Estes são o povo do SENHOR, e saíram da sua terra.    

Ezequiel 36:9-20

Os hebreus deviam expulsar os Cananeus, mas preferiram negociar com eles, casar entre si e servir aos seus deuses. Na convivência com aquele povo, os israelitas tinham a liberdade de escolher: serem fiéis ao Senhor ou seguir os seus vizinhos. Deus purificou o seu povo fazendo-o passar por um período no exílio, distantes da pátria, separados do templo do Senhor. Eles tiveram consciência do que era verdadeiro e do que não era, percebendo que os profetas do Senhor tinham razão, sendo que então os ídolos foram incapazes de salvá-los do castigo merecido. Hoje o cristão vive no mundo cercado por toda espécie de tentação, com inimigos visíveis e invisíveis, é como estar numa guerra. Mas ele não está só, pode contar com o Espírito Santo que o fortalece e dirige nas escolhas certas: estudar a Palavra, conhecer o nosso Deus e Sua vontade, crescer na graça e no conhecimento de Jesus Cristo, louvar e estar em comunhão com os irmãos na igreja para o crescimento espiritual. O mundo e seus prazeres podem até nos tentar, mas Deus nos fortalece e nos capacita para vencermos e permanecer fieis até o fim.

Artigos Relacionados

A revelação de Deus, sexta-feira
  Porque, qual dos homens sabe as coisas do homem, senão o espírito do homem, que nele está? Assim também ninguém sabe as coisas de Deus,...
A revelação de Deus, quinta-feira
  Ó profundidade das riquezas, tanto da sabedoria, como da ciência de Deus! Quão insondáveis são os seus juízos, e quão inescrutáveis os...
O Deus triúno, domingo
  Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo;     Mateus 28:19...
O Deus triúno, quarta-feira
  Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida...