Tiago 1:27:

27 A religião pura e imaculada para com Deus, o Pai, é esta: Visitar os órfãos e as viúvas nas suas tribulações, e guardar-se da corrupção do mundo.

Pelo texto que lemos pode-se constatar que o cristão verdadeiro adora a Deus em Espírito e em Verdade. Isso significa que ele não é egocêntrico, não é narcisista, não vive só para si, não vive recuado só no seu mundo, só olhando para si. Ele sai do casulo, da caverna da omissão. Ele se levanta da poltrona da indiferença. Ele age. Tem mãos abertas, coração dadivoso e bolso generoso. Não é dado à verborragia, mas à ação. Não ama apenas de palavra, mas de coração.  Não adora a Deus apenas com os lábios, mas com todo o seu ser! Abomina o sentimentalismo inócuo. Usa a razão, e por isso dá pão a quem tem fome. Ele celebra a liturgia da generosidade e evidencia a verdadeira religião.

Artigos Relacionados

Os efeitos da morte de Jesus I, quinta-feira
  A nossa alma escapou, como um pássaro do laço dos passarinheiros; o laço quebrou-se, e nós escapamos.     Salmos 124:7 O versí...
Salvação, a graça de Deus! sexta-feira
  Porque se introduziram alguns, que já antes estavam escritos para este mesmo juízo, homens ímpios, que convertem em dissolução a graça de...
O processo do resgate II, segunda-feira
  Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus;     Romanos 3:23  Pecar significa violar ou transgredir a lei de Deus...
O processo do resgate I, quinta-feira
  O qual se deu a si mesmo por nós para nos remir de toda a iniqüidade, e purificar para si um povo seu especial, zeloso de boas obras...