Mateus 26:47-56:

47 E, estando ele ainda a falar, eis que chegou Judas, um dos doze, e com ele grande multidão com espadas e varapaus, enviada pelos príncipes dos sacerdotes e pelos anciãos do povo. 48 E o que o traía tinha-lhes dado um sinal, dizendo: O que eu beijar é esse; prendei-o. 49 E logo, aproximando-se de Jesus, disse: Eu te saúdo, Rabi; e beijou-o. 50 Jesus, porém, lhe disse: Amigo, a que vieste? Então, aproximando-se eles, lançaram mão de Jesus, e o prenderam. 51 E eis que um dos que estavam com Jesus, estendendo a mão, puxou da espada e, ferindo o servo do sumo sacerdote, cortou-lhe uma orelha. 52 Então Jesus disse-lhe: Embainha a tua espada; porque todos os que lançarem mão da espada, à espada morrerão. 53 Ou pensas tu que eu não poderia agora orar a meu Pai, e que ele não me daria mais de doze legiões de anjos? 54 Como, pois, se cumpririam as Escrituras, que dizem que assim convém que aconteça? 55 Então disse Jesus à multidão: Saístes, como para um salteador, com espadas e varapaus para me prender? Todos os dias me assentava junto de vós, ensinando no templo, e não me prendestes. 56 Mas tudo isto aconteceu para que se cumpram as escrituras dos profetas. Então, todos os discípulos, deixando-o, fugiram.

Nesta passagem, são descritas as circunstâncias da prisão de Jesus no jardim do Getsêmani. E o último versículo fala sobre uma realidade muito contundente da vida de Cristo, realidade esta que estava anunciada há milênios e que agora, enfim, cumpria-se: “Mas tudo isto aconteceu para que se cumprissem as Escrituras dos profetas” (v. 56). Por mais incrível que possa parecer, isto estava anunciado desde a criação do mundo (Gênesis 3:15); prenunciado por Moisés na instituição da primeira Páscoa (Êx 12); vislumbrado por Davi em seus salmos (Salmos 22); anunciado por Isaías em suas profecias (Isaías 53); profetizado por Zacarias (Zacarias 9) e Malaquias (Malaquias 3) em suas visões do Messias, e recentemente apontado por João Batista (Mateus 3). Em o Novo Testamento encontramos o cumprimento de muitas profecias do Antigo Testamento, principalmente sobre Jesus. Isso aumenta a nossa fé, pois sabemos que Deus é fiel e cumprirá todas as suas promessas ao seu tempo.

Related Articles

As bênçãos da salvação, terça-feira
    16 E até pelos pais, e irmãos, e parentes, e amigos sereis entregues; e matarão alguns de vós. 17 E de todos sereis odiados por causa do meu...
As bênçãos da salvação, segunda-feira
  Mas para vós, os que temeis o meu nome, nascerá o sol da justiça, e cura trará nas suas asas; e saireis e saltareis como bezerros da estrebaria...
O comprometimento do cristão com as leis, domingo
  Mas, como está escrito: As coisas que o olho não viu, e o ouvido não ouviu, E não subiram ao coração do homem, São as que Deus preparou para os...
A palavra é luz, segunda-feira
  E todos os homens temerão, e anunciarão a obra de Deus; e considerarão prudentemente os feitos dele.     Salmos 64:9...