Romanos 16:5:

5 Saudai também a igreja que está em sua casa. Saudai a Epêneto, meu amado, que é as primícias da Acaia em Cristo.

Depois de séculos de cristianismo esta pergunta ainda é necessária. E Paulo nos responde esta pergunta não por meio de um tratado, com explicações filosóficas. Antes responde de forma natural. Mesmo sem saber que pergunta era esta, ainda sim ele reponde. A parte final da carta endereçada aos irmãos e irmãs que moravam em Roma está recheada de saudações e agradecimentos. E em meio a tantos nomes Paulo faz um pequeno comentário que para mim é fundamental para responder a nossa pergunta. Ele diz: “saudai igualmente a igreja que se reúne na casa deles” (Romanos 16:5). Igreja, portanto, não é o templo ou a infra-estrutura aonde as pessoas vão para adorar a Deus, fazer orações e estudar a Bíblia. Igreja são pessoas! Simples assim.

Mas porque esta pergunta é necessária? Saber o que é Igreja nos livrará de um grande equívoco. Equívoco este que leva os fiéis a imaginar a igreja como um espaço geográfico específico. Não tenho nada contra o fato de termos e mantermos um espaço sagrado. Um espaço dedicado as atividades da assembléia de cristãos que se reúnem para orar, adorar e cantar. O problema que vejo é que muitos restringem a Igreja apenas a um espaço sagrado específico. Veja o que Paulo diz neste texto! Ele diz “a igreja que ser reúne na casa deles”. Estamos tão acostumados com o substantivo “igreja” que nem passa pela nossa cabeça o fato de igreja englobar uma ação. Ou seja, em vez de pensarmos somente em “igreja” (substantivo) deveríamos pensar também em “igrejar” (verbo). Precisamos ampliar nossa concepção do que é igreja. Se realmente queremos impactar a nossa  geração, em nosso tempo, precisamos nos valer da mesma estratégia que os primeiros cristãos se valeram. Deveríamos encarar nossas casas como um local alternativo para a igreja ser reunir. E bastam apenas dois ou três reunidos no nome de Jesus para tal reunião já se constituir uma reunião da igreja.

Queridos irmãos e irmãs! Resta pouco tempo. Jesus logo voltará e queria do fundo do meu coração que você pensasse sobre o que esta passagem bíblica nos diz, e outras tantas no Novo Testamento. Para ganharmos esta cidade para Cristo é preciso fazer de nossos lares postos avançados. Somos nós que estamos no ataque. Precisamos derrubar as fortalezas de satanás. Joinville é uma cidade de que tem mais de 500 mil habitantes. É muita gente. É muita gente precisando de uma conexão discipuladora. Elas precisam de você, para lhes mostrar o Caminho, a Verdade e a Vida. Comece a orar hoje para Deus te ajudar a sair do “esconderijo” e começar hoje mesmo relacionamentos discipuladores! Se você comunga desta ideia procure o pastor de sua igreja.

Artigos Relacionados

O pecado da Igreja de Laodicéia
  Conheço as tuas obras, que nem és frio nem quente; quem dera foras frio ou quente!     Apocalipse 3:15  INTRODUÇÃO     “Voc...
O pecado da Igreja de Laodicéia, sábado
  Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas.     Apocalipse 3:22  Todos temos ouvidos físicos, mas nem todos, ou bem...
O pecado da Igreja de Laodicéia, sexta-feira
  Ao que vencer lhe concederei que se assente comigo no meu trono; assim como eu venci, e me assentei com meu Pai no seu trono.    ...
O pecado da Igreja de Laodicéia, quinta-feira
  Eis que estou à porta, e bato; se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e com ele cearei, e ele comigo.    ...