Biblia Online

Bíblia Online

Deuteronômio

Escrito por Moisés

Análise do livro

Deuteronômio é o quinto livro da Bíblia. Faz parte do Pentateuco, os cinco primeiros livros bíblicos, cuja autoria é, tradicionalmente, atribuída a Moisés. É um dos livros do Antigo Testamento da Bíblia e possui 34 capítulos.

Contém os discursos de Moisés ao povo, no deserto, durante seu êxodo do Egito à Terra Prometida por Deus. O nome é de origem grega e quer dizer segunda lei ou repetição da lei.

Os discursos contidos nesse livro, em geral, reforçam a idéia de que servir a Deus não é apenas seguir sua lei. Moisés enfatiza a obediência em conseqüencia do amor: "Amarás ao Senhor teu Deus de todo o teu coração, de toda a tua alma, e com todo o teu entendimento". Também é enfatizado o "caminho da benção e da maldição", no qual Deus previne o povo a seguir seus mandamentos, pelos quais o povo ou seria abençoado, ou receberia maldições (porém, caso se arrependesse e voltasse a seguir de coração a Deus, ele se arrependeria e perdoaria o povo).

Sobre

O nome hebraico deste quinto livro do Pentateuco é Deva•rím (Palavras), tirado da frase inicial do texto hebraico. O nome “Deuteronômio” deriva do título grego na Septuaginta, Deu•te•ro•nó•mi•on, que significa literalmente "Segunda Lei, Repetição da Lei". Vem da tradução grega duma frase hebraica em Deuteronômio 17:18, mish•néh hat•toh•ráh, corretamente traduzida por "cópia da lei".

A autenticidade de Deuteronômio como livro do cânon da Bíblia e de Moisés ser o escritor dele acha-se bem alicerçada no fato de que Deuteronômio sempre foi reputado pelos judeus como parte da Lei de Moisés. A evidência da autenticidade de Deuteronômio, em geral, é a mesma que a dos outros quatro livros do Pentateuco. No Novo Testamento, Jesus é a principal autoridade que atesta a autenticidade de Deuteronômio, citando-o três vezes ao repelir as tentações de Satanás, o Diabo. (Mateus 4:1-11; Deuteronômio 6:13, 16; 8:3) Também, Jesus respondeu à pergunta quanto a qual era o maior e o primeiro mandamento por citar Deuteronômio 6:5. (Mr 12:30) E Paulo cita Deuteronômio 30:12-14; 32:35, 36. — Romanos 10:6-8; Hebreus 10:30.

O tempo abrangido pelo livro de Deuteronômio é um pouco superior a dois meses, no ano de 1473 d.C.. Foi escrito nas planícies de Moabe, e consiste em quatro discursos, um cântico e uma bênção, da parte de Moisés, enquanto Israel acampava nas fronteiras de Canaã, antes de entrar nessa terra. — Deuteronômio 1:3; Josué 1:11; 4:19.  É a preparação do povo para a entrada na Terra Prometida.

Avisos e Leis.

Deuteronômio está repleto de avisos ao povo hebreu contra a adoração falsa e a infidelidade, bem como de instruções sobre a maneira de lidar com tais, de modo a preservar a adoração pura. Algo notável em Deuteronômio é a exortação à santidade. Admoestava-se os israelitas a não se casarem com pessoas das nações em sua volta, porque isto representaria uma ameaça para a adoração pura e a lealdade a Jeová. (Deuteronômio 7:3, 4) Foram avisados contra o materialismo e a autojustiça. (8:11-18; 9:4-6) Foram feitas fortes leis referentes à apostasia. Eles deviam cuidar-se bem, a fim de que não se desviassem para outros deuses. (11:16, 17) Foram avisados contra os falsos profetas. Foram dadas instruções, em dois lugares, sobre como identificar um falso profeta e como lidar com ele. (13:1-5; 18:20-22) Até mesmo se um membro da própria família se tornasse apóstata, a família não devia ter pena dele, mas devia tomar parte em apedrejá-lo até a morte. — 13:6-11.

As cidades de Israel que apostatassem deviam ser devotadas à destruição e nada delas devia ser preservado para benefício pessoal de alguém. Tal cidade nunca deveria ser reconstruída. (Deuteronômio 13:12-17) Os delinqüentes cujos pais não conseguissem controlá-los deviam ser apedrejados até morrerem. — 21:18-21.

A santidade e o isentar-se da culpa de sangue foram destacados pela lei relativa ao modo de se lidar com um caso de homicídio não solucionado. (Deuteronômio 21:1-9) Indicando o zelo pela adoração pura, Deuteronômio contem regulamentos sobre quem podia tornar-se membro da congregação do Senhor, e quando. Nenhum filho ilegítimo, até a décima geração, nem moabita ou amonita, por tempo indefinido, e nenhum eunuco podia ser admitido. Todavia, egípcios e edomitas da terceira geração podiam tornar-se membros da congregação. — 23:1-8.

Deuteronômio esquematiza o arranjo judicial para Israel, quando se fixasse na Terra da Promessa. Delineia as habilitações para juízes, e o arranjo de tribunais nos portões das cidades, sendo o santuário o supremo tribunal do país, cujos julgamentos deviam ser seguidos por todo o Israel. — Deuteronômio 16:18–17:13.

 

Grupo de intercessão

Grupo de oração"Confessai as vossas culpas uns aos outros, e orai uns pelos outros, para que sareis. A oração feita por um justo pode muito em seus efeitos." Tiago 5:16

Quer ser um evangelista?

PregadorA seara é realmente grande, mas poucos os ceifeiros. Rogai, pois, ao Senhor da seara, que mande ceifeiros para a sua seara. Mateus 9:37-38 
Conheça o TIME e seja um evangelista

Curso Libertos Pela Verdade

Curso Libertos Pela VerdadeEste curso, baseado inteiramente na Bíblia, tem por objetivo apresentar o maravilhoso plano de Deus. A bíblia diz: "tudo fez Deus formoso no seu devido tempo; também pôs a eternidade no coração do homem..." Eclesiastes 3:11. Ele quer que vivamos a eternidade com Ele.

Curso de Finanças

PorquinhoEstamos analisando a possibilidade de oferecer um curso de finanças cuja missão será de ensinar às pessoas os princípios financeiros de Deus, para que conheçam a Cristo mais intimamente e sejam livres para servi-lo.
O que você acha? Você se inscreveria? Dê a sua opinião!

Você está aqui: Página Inicial Bíblia Online Deuteronômio