Porque eu desci do céu, não para fazer a minha vontade, mas a vontade daquele que me enviou.    

João 6:38 

Quando Jesus fez o discurso na sinagoga de Cafarnaum dizendo que Ele era o pão da vida que desceu do céu e que aquele que comesse da Sua carne e bebesse do Seu sangue teria vida eterna, muitos se escandalizaram e deixaram de segui-lO. Mas o que Ele quis dizer é que Se daria em sacrifício para resgate de todo aquele que cresse nEle. E, como sabemos, essa foi uma missão nada fácil para Jesus, tanto que suou sangue e pediu ao Pai para que afastasse d’Ele aquele cálice. Não obstante, foi para isso que desceu do céu, deixando a Sua glória para Se tornar um homem e ser obediente até a morte, e morte de cruz. Quando tomamos a santa ceia, muitas vezes não temos a dimensão do que isso representa, mas pensemos no alto preço que foi pago para que nós tivéssemos vida!

Artigos Relacionados

Os atributos de Deus, sexta-feira
  Antes que os montes nascessem, ou que tu formasses a terra e o mundo, mesmo de eternidade a eternidade, tu és Deus.     Salmos 90:2...
Os atributos de Deus, quinta-feira
  7 Para onde me irei do teu espírito, ou para onde fugirei da tua face? 8 Se subir ao céu, lá tu estás; se fizer no inferno a minha cama,...
Os atributos de Deus, quarta-feira
  Porventura sou eu Deus de perto, diz o SENHOR, e não também Deus de longe?     Jeremias 23:23    Esconder-se-ia alguém em...
Deus existe! sábado
    Eu te louvarei, porque de um modo assombroso, e tão maravilhoso fui feito; maravilhosas são as tuas obras, e a minha alma o sabe muito...