Mateus 9:35-38:

35 E percorria Jesus todas as cidades e aldeias, ensinando nas sinagogas deles, e pregando o evangelho do reino, e curando todas as enfermidades e moléstias entre o povo. 36 E, vendo as multidões, teve grande compaixão delas, porque andavam cansadas e desgarradas, como ovelhas que não têm pastor. 37 Então, disse aos seus discípulos: A seara é realmente grande, mas poucos os ceifeiros. 38 Rogai, pois, ao Senhor da seara, que mande ceifeiros para a sua seara.

Você consegue sentir o clamor do coração de Deus nesta passagem? Jesus estava "movido de compaixão", porque o povo era como ovelhas sem pastor. As pessoas estavam sobrecarregadas e espalhadas, e não era isso que Deus pretendia para seu povo quando o criou. Vemos a compaixão ainda mais fortemente demonstrada quando ele chora por Jerusalém, em Lucas 19:41-44. Note, contudo, que há uma responsabilidade ao cuidar das ovelhas, passada a nós nos versículos 37-38.

Será que exercitamos a mesma compaixão de Jesus?

Artigos Relacionados

Os efeitos da morte de Jesus II, sexta-feira
  Porque assim diz o Senhor DEUS, o Santo de Israel: Voltando e descansando sereis salvos; no sossego e na confiança estaria a vossa força, mas...
Os efeitos da morte de Jesus II, quinta-feira
  Havendo riscado a cédula que era contra nós nas suas ordenanças, a qual de alguma maneira nos era contrária, e a tirou do meio de nós,...
Os efeitos da morte de Jesus II, quarta-feira
  E disse o SENHOR a Josué: Não temas diante deles; porque amanhã, a esta mesma hora, eu os darei todos feridos diante dos filhos de Israel;...
Os efeitos da morte de Jesus II, terça-feira
   "o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados.     Isaías 53:5b  O pecado de Adão trouxe...